A verdadeira história

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Há pessoas que não valem merda nenhuma

(mas isto não significa que seja melhor do que os outros). Desculpem a expressão, mas é simplesmente a verdade.
Vamos lá imaginar: um casal de namorados que não trabalha. Ela tem possibilidades e os pais mantêm-a. Tudo muito bem. Ele é um pé rapado que está à espera que o mundo o ache o melhor e que o trabalho vá à procura dele. Até lá vive do fundo de desemprego. Pensou em criar um empresa, mas está bonito, criá-la nunca mais na vida. E esbanja o dinheiro em material que raramente usa e anda sempre a trocar porque pronto não é o ideal. Não seria mais fácil, simplesmente, poupar e comprar um bom?! Digo eu... E depois anda a lamentar-se, literalmente, que não tem dinheiro e bla bla bla, mas compra um iphone 4. Por amor da santa. Isto para mim acabou. Ontem fomos tomar café todos e tudo bem que ele me trouxe a casa, mas não foi por isso que gastou mais gasolina, porque não fez grande desvio, mas mesmo assim já lhe paguei bastantes coisas, mas acho piada a sério que acho.
'Paga a minha conta' - disse-me ele. Quer dizer o menino disse que só tinha 1€ (mentira), mas não se privou do café, de um kit kat e de um b! limonada. E eu que me privei de consumir isto e aquilo, porque vi que já tinha gasto de mais tive de pagar a conta ao menino, que pronto não faz nada da puta da vida e compra puro luxo.. E eu que ando a trabalhar, a receber uns míseros 300€ mensais, que dão para mim e que este mês ainda tiveram de dar para outras coisas, por causa das propinas do meu irmão mais velho, tenho de pensar que o menino não tem dinheiro. E eu sempre ouvi dizer 'quem não tem dinheiro, não tem vício'. E, é hora de acabar. Que vá dar uma volta ao bilhar grande, que se esfole, que venda meias da feira, que levante a puta da peida do sofá, como eu faço todos os dias para ir trabalhar no meu part-time, ou como o M que tem que andar todos os dias de comboio logo pela manhã. Que faça alguma coisa decente no raio da vida, porque enquanto nós temos 19 anos, eles já têm mais de 24/25 e que ainda não são adultos nem na ponta das orelhas. Que eu ganho para mim, não para os outros. Tirando a parte, está claro, do tabaco. Que o M tirou um maço antes de irmos e a meio do café já não tinha, porque o menino não se podia privar do tabaco. Eu que não fumo, ainda perguntei ao M quantos tinha e o ele teve de fumar o último cigarro que o M tinha. Para mim já é falta de respeito. Que comprasse - digo eu. E o pior é que só pede a nós, ao outro nosso amigo que está bem, não pede, mas a culpa é nossa que demos abusos para isso. Mas a partir de agora vai pedir e eu vou dizer que não tenho dinheiro. É que ainda por cima não perguntou antes de consumir. Eu ainda lhe disse que não tinha e ele aí já tinha mais de um euro. Que vá tirar à namorada que tem muito mais que eu, que eu cá ainda não sou mãe de ninguém. Agora eu pago as minhas contas e ele se quiser que vá trabalhar, que tem muito bom corpinho. Acontece-me cada coisa que nem lembra ao diabo.

8 comentários:

  1. Eu sei o que é isso da namorada que os pais a sustentam e do namorado que não faz a ponta dum corno e de ela acabar por ter de o sustentar. E acredita que não é nada bonito de se ver.

    ResponderEliminar
  2. Xiça, que abuso. Não deixes que isso continue assim. Odeio ver pessoas a fazerem essas cenas. A sério. Passo-me! Tinha idade para ter muito mais juízo, responsabilidade e maturidade que tu! Dá-lhe umas lições. Por favor!

    ResponderEliminar
  3. Mas que grandessíssima lata! Não lhe pagues mais nada, isso mais que abusar das pessoas, é gozar com a cara delas.

    ResponderEliminar
  4. Bem, eu li o texto todo e pergunto-me, ele é teu irmão, teu namorado, teu primo ou seja o que mais for, para o teres que 'sustentar'? Que gajo mais estupido!! Acho que fazes muito bem em cortar!

    ResponderEliminar
  5. Têm todas razão meninas, há pessoas que enfim.. só mesmo com a bater com a cabeça na parede..

    ResponderEliminar
  6. Realmente há c cada pessoas as vezes. Fazes bem em cortar-lhe as "rédeas". ****

    ResponderEliminar
  7. Infelizmente, é necessário cortar as 'rédeas', Ju :S

    ResponderEliminar

Ohh que fofinhos(:

Obrigado,
Beijinhos*